Saiba quando ficar alerta à rotatividade nas empresas, como detectar os motivos e que providências tomar para evitá-la

Quando se fala em rotatividade nas empresas, estamos falando do índice de substituição de mão de obra, isto é, quantos funcionários são substituídos em uma organização em determinado período.

Já falamos sobre esse assunto aqui no blog e sabemos que a alta rotatividade de funcionários nas empresas não é benéfica e que é motivada por diversos fatores:

  • Clima organizacional ruim (entender o que é clima organizacional);
  • Falta de motivação;
  • Salários e benefícios defasados;
  • Entrada de concorrentes na empresa;
  • Ciclos econômicos;
  • Mudança do perfil dos trabalhadores no mercado;
  • Mudanças estratégicas na empresa.

Entre outros motivos, esses são os principais. Mas quando devemos ficar alertas, quando tomar e quais são as providências necessárias ao se notar rotatividade nas empresas?

Para ajudar gestores e empreendedores a entenderem melhor esse assunto e se precaverem de eventuais problemas, selecionamos uma série de tópicos como clima organizacional, pesquisa de satisfação de funcionários, motivação de equipes e comunicação interna que serão detalhados a seguir.

Um fator importante para diminuir a alta rotatividade de funcionários nas empresas é saber liderar a equipe, principalmente, por meio do exemplo. Para saber mais sobre este assunto, baixe nosso e-book: O Guia para a Gestão Eficiente da Equipe de Vendas.

Mas antes de falarmos de providências a serem tomadas, vamos entender o que exatamente significa rotatividade de funcionários na empresa.

rotatividade nas empresas

A perda de talentos pode ser um risco para sua empresa

Quando ficar preocupado com a rotatividade nas empresas e que providências tomar?

A rotatividade nas empresas, também chamada de rotatividade de pessoal ou turneover é, segundo o renomado professor Chiavenato, um termo usado para definir uma flutuação de pessoal entre uma organização e seu ambiente, em outras palavras, o intercâmbio de pessoas entre a organização e o ambiente.

Podemos dizer também que a rotatividade empresarial determina a taxa média referente às demissões e saídas de colaboradores da empresa em relação ao seu número médio de colaboradores.

De forma mais simples: qual a porcentagem média de funcionários de sua empresa que estão se demitindo ou sendo demitidos em um período de um mês, por exemplo.

A fórmula para calcular o índice de rotatividade varia de especialista para especialista, mas esta é uma das mais usadas:

__Admissões + Desligamentos/2__ X 100
Média de Funcionários no Período

Para ver outras fórmulas usadas por especialistas e mais informações sobre rotatividade em empresa, leia: Tudo sobre índice de rotatividade e como gerenciá-lo.

Quando ficar alerta sobre a rotatividade nas empresas:

Seus funcionários estão indo embora e isso não é uma iniciativa sua ou um plano de renovação da força de trabalho? Veja quando se preocupar com isso:

  • Perda de talentos para concorrentes;
  • A empresa não consegue atender clientes por falta de pessoal;
  • A empresa atende aos pedidos, mas de forma inadequada e sem qualidade devido à falta de experiência e qualificação dos colaboradores;
  • Altos custos de verbas rescisórias e despesas burocráticas de RH;
  • Gastos com treinamento e integração de novos funcionários;
  • Instalações visivelmente vazias e subaproveitadas, gerando gastos de manutenção e aluguel desnecessárias;
  • Ociosidade produtiva, com máquinas e equipamentos parados, mesmo com demanda;
  • Clima organizacional ruim na empresa;
  • Fama de empresa que não atrai ou mantém funcionários se espalhando no mercado.

Como você viu, todos estes sintomas são alarmantes!

Mas repetimos: deve ser levado em conta um eventual movimento estratégico da empresa que esteja levando a tal quadro. De qualquer forma, providências precisam ser tomadas.

Em uma postagem anterior, comentamos quando realizar uma pesquisa de clima organizacional, providência que vamos tratar em seguida. Leia mais sobre o assunto aqui: Quando aplicar uma pesquisa de satisfação de funcionários?

Que providências tomar quanto à rotatividade nas empresas:

Várias medidas devem ser empregadas para diminuir a alta rotatividade de funcionários na empresa, mas, com certeza, a primeira delas é fazer uma pesquisa de clima!

Pesquisa de clima organizacional

Nem sempre é fácil detectar os motivos que levam à alta rotatividade de colaboradores em empresas. É por isso que a pesquisa de clima organizacional é fundamental para um diagnóstico adequado.

De nada vai valer aumentar salários e benefícios, por exemplo, se o verdadeiro problema for outro, como falta de perspectivas de carreira, treinamentos ou de estruturas e equipamentos para trabalhar adequadamente.

rotatividade das empresas

A pequisa de clima ajuda a detectar os motivos da rotatividade na empresa

Para se ter uma ideia, uma boa pesquisa de clima organizacional deve verificar fatores como estes:

  • A empresa é um bom local para trabalhar?
  • Existem condições adequadas de trabalho?
  • Identificar por que os colaboradores estão desmotivados e o que os motivaria.
  • Conceito dos funcionários sobre gestão de pessoas na organização.
  • A remuneração é justa?
  • As tarefas são delegadas de forma justa pelos gestores?
  • Todos trabalham integrados por um objetivo comum?
  • Os benefícios são suficientes?
  • Os colaboradores conhecem a missão, visão, e valores da empresa?
  • Os conflitos são intermediados com justiça?
  • Os líderes comprovam ter as competências necessárias para seu cargo?
  • Os relacionamentos na empresa são saudáveis?
  • Os critérios de promoção são justos?

Com tudo isso detectado, passe a tomar as devidas providências.

Veja mais sobre pesquisa de clima organizacional neste post: Entenda o conceito de clima organizacional e como mudá-lo.

Conheça também três modelos para a elaboração de perguntas para pesquisa de clima organizacional.

Motivação de equipes

Dentre as diversas ações que podem ser recomendadas depois de uma pesquisa de clima, motivar funcionários pode ser uma das mais desafiadoras.

Mas sem isso será muito difícil diminuir a alta rotatividade de funcionários. Entre outros pontos importantes, algumas atitudes que podem ser colocadas em prática:

  • Programas de inventivo de vendas e resultados;
  • Treinamento e incentivo à capacitação: línguas e cursos de graduação e pós-graduação;
  • Participação nas decisões da empresa, quando couber;
  • Valorização das opiniões dos funcionários;
  • Feedback adequado de seus desempenhos;
  • Percepção de que existe um plano de carreira e perspectivas de crescimento;
  • Comissões e bônus adequados;
  • Tarefas desafiadoras para aqueles que se destacam;
  • Possibilidade de desenvolver novas competências.

E tudo isso precisa de uma boa comunicação interna!

rotatividade nas empresas

Falhas na comunicação interna podem aumentar a rotatividade

Comunicação interna e endomarketing

Muito do que falamos nos tópicos anteriores depende de uma boa comunicação interna. Deixar claros os objetivos da empresa, passar feedback, desenvolver treinamentos, fazer circular jornais e newsletters podem ajudar muito a manter a equipe integrada e motivada.

A conclusão final que deixamos é a seguinte:

Ao notar que a rotatividade de colaboradores está sendo prejudicial à empesa, realize uma pesquisa de clima e tome as atitudes corretas, de modo objetivo.

Para saber mais sobre endomarketing e comunicação interna e como usá-los em sua empresa, confira o conteúdo deste texto de nosso blog: Comunicação interna e endomarketing: equipes bem informadas.