CONHEÇA NOSSO CRM

8 dicas de como vender serviços online e ter bons resultados

Gustavo Paulillo

Não sabe como vender os seus serviços online? Pode parecer algo difícil de se aprender, mas com estudos e prática é possível criar uma boa plataforma e alcançar bons resultados. Aliás, algumas dicas podem ajudar nesse processo, como investir em marketing digital e valorizar a experiência do usuário.

Mas você não sabe nada ou muito pouco sobre o assunto e quer dar os seus primeiros passos? Este texto é para você!

Separamos estatísticas dos dois maiores setores de vendas online para você entender o tamanho e o poder de crescimento deste mercado.

Em seguida, listamos oito dicas de como vender serviços online com sucesso, que são as seguintes:

  • Conheça o seu público
  • Invista em marketing de conteúdo
  • Saiba utilizar o e-mail marketing
  • Elabore uma estratégia de marketing
  • Valorize a experiência do seu site
  • Aproxime o seu relacionamento com o consumidor
  • Diversifique as formas de pagamento
  • Utilize formulários simples

Além disso, também mostramos quais são as melhores ferramentas para te ajudar a vender serviços na internet. Confira!

O que os dados dizem sobre os serviços online?

As estatísticas são muito promissoras tanto para o setor de SaaS (Software as a Service) quanto para o de e-commerce, que são os dois maiores ramos de vendas de serviços na internet.

Isso mostra como vender serviços online é uma das melhores escolhas que você pode fazer hoje em dia, pois essas áreas ainda têm muito a crescer!

Então, vamos entender a força desses mercados e o poder de expansão que eles têm por meio de dados? Veja, a seguir, as principais estatísticas sobre SaaS e e-commerce:

SaaS

Com os resultados apresentados, fica claro que o mercado de SaaS global é grande, mas tem tudo para ficar maior ainda, tomando proporções gigantescas.

O incrível disso tudo é que esse setor, de certa forma, ainda é recente, pois ganhou visibilidade e começou a mostrar resultados expressivos há poucos anos.

Então, por mais incrível que pareça, é possível que ainda não estejamos perto de ver o auge deste ramo.

Isso é ótimo, porque significa que você tem tempo para aprender a como vender serviços online e construir uma plataforma de qualidade, que traga bons resultados.

Por isso, mais adiante vamos dar algumas dicas de como oferecer serviços online para que você consiga iniciar na área e dar os primeiros passos no setor com a sua empresa. Continue lendo para conhecer as dicas!

E-commerce

  • O e-commerce brasileiro alcançou mais de 87 bilhões de reais em vendas em 2020;
  • Mais de 79 milhões de brasileiros compraram em e-commerces, o que representa um crescimento de 17% em comparação com 2019;
  • Foram feitos mais de 194 milhões de pedidos com um ticket médio total de 452 reais;
  • As vendas por dispositivos móveis alcançaram um faturamento de 45 bilhões de reais, mais de 106 milhões de pedidos e um ticket médio total de 431 reais em 2020.

Todos esses dados são da 43ª edição do Webshoppers, que é um relatório anual sobre os resultados dos e-commerces brasileiros elaborado pela Ebit.

Com as informações disponibilizadas por ele, é possível entender o tamanho do mercado brasileiro de e-commerce, que é uma potência em amplo crescimento.

Logo, aprender a como vender serviços online é essencial para conseguir acompanhar essa onda de bons resultados e alavancar o seu negócio.

8 dicas de como vender serviços online com sucesso

Consideramos que existem três esferas principais que devem ser trabalhadas corretamente por quem quer vender por meio da internet:

Quando falamos em como vender serviços online, estes pontos devem ser o foco do seus estudos, pois são as ações que trazem resultados.

O aumento de tráfego do site é fundamental para que as pessoas conheçam a sua marca, possibilitando até mesmo que ela se torne uma autoridade no setor.

Uma boa experiência do usuário é necessária para que os clientes naveguem tranquilamente pelo seu site, sem problemas para fechar um serviço.

E a melhora da conversão é essencial para que você consiga vender mais. Afinal, essa taxa mostra qual é a porcentagem de usuários ou leads que se tornaram consumidores.

Dito isso, confira a seguir um infográfico com nove dicas essenciais de como vender online e, em seguida, veja as oito dicas que podem lhe ajudar a melhorar os pontos mencionados!

Como vender online 9 dicas essenciais

1. Conheça o seu público

O primeiro requisito para vender serviços online é definir o seu público-alvo e procurar formas de conhecê-lo o mais profundamente possível.

Isso é essencial, porque você poderá alcançar um número extremamente grande de pessoas na internet, mas se elas não se encaixarem no perfil de quem usa os seus serviços, de nada adiantará.

Por isso, é essencial fazer pesquisas constantes para entender quem está comprando os seus serviços. 

Elas podem ser feitas por meio de conversas com consumidores, formulários enviados por e-mail e muitas outras formas.

Dessa maneira, é possível montar as personas do seu negócio, que, a grosso modo, são pessoas fictícias que representam os perfis do seus clientes ideais.

Com essas informações, torna-se mais simples montar planejamentos e estratégias certeiras e efetivas, principalmente de marketing.

2. Invista em marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é uma das estratégias mais valorizadas nos dias atuais para oferecer e vender serviços online.

Ela faz parte do grupo de estratégias do Inbound Marketing, que é uma metodologia de divulgação e publicidade com foco em não ser intrusiva.

Dito isso, o marketing de conteúdo é totalmente voltado à produção de conteúdos relevantes para as personas, em diferentes canais de comunicação.

O conteúdo pode ser um artigo de blog, um post de redes sociais, um ebook, um e-mail, entre diversos outros materiais. Isso vai variar de acordo com a sua estratégia.

Contudo, o mais importante é que a produção seja relevante para o seu público e de qualidade, com informações originais.

Com essa estratégia, é possível estabelecer a sua marca como uma autoridade em seu nicho, atrair mais leads para a plataforma de serviços, vender mais e diminuir o custo de aquisição de clientes.

3. Saiba utilizar o e-mail marketing

Como dissemos, o e-mail marketing pode ser um dos meios utilizados para trabalhar o marketing de conteúdo.

Mas, para usá-lo de forma eficaz, é preciso se atentar a diversos fatores estratégicos e em relação à composição do e-mail.

Primeiramente, é necessário pegar todas as informações que você coletou sobre o seu público para definir a abordagem e o tom de voz que serão utilizados.

Ter essas questões bem estabelecidas é uma parte indispensável para se ter sucesso com o e-mail marketing.

Além disso, também é fundamental trabalhar outros pontos relacionados à composição do conteúdo e do e-mail, como os seguintes:

  • o assunto do e-mail deve ter entre 50 e 60 caracteres;
  • não coloque palavras como “promoção” ou “grátis” no assunto, elas levam seu e-mail à caixa de spam;
  • utilize imagens com o menor tamanho de arquivo possível;
  • inclua um call to action no topo da página, deixando claro o objetivo do e-mail.

4. Elabore uma estratégia de marketing

Já que estamos falando tanto de marketing, é importante pontuar algo bastante relevante: planejamentos e estratégias são essenciais para que as técnicas mostradas funcionem.

Você não pode simplesmente decidir utilizar o marketing de conteúdo por ser algo que dá certo para muitas marcas.

Realmente essa é uma técnica muito boa nos dias atuais, mas, para ela ser efetiva, é necessário um planejamento e uma estratégia muito maior e mais detalhada.

Aqui, estamos nos referindo à definição de estratégias gerais de marketing para a sua plataforma de vendas de serviços online.

É preciso pesquisar e testar muito para entender quais serão as técnicas utilizadas, porque a efetividade de cada uma varia de negócio para negócio.

Por exemplo, algum nicho específico pode ter muito sucesso com o marketing de conteúdo, mas em outro os resultados podem ser bem menos expressivos, o que torna necessário diversificar as estratégias.

Sendo assim, é preciso entender todo o contexto que o seu negócio está envolvido e procurar adaptá-lo da forma que atrai mais leads e vendas para você.

Quer entender melhor como usar o marketing para vender mais? Baixe gratuitamente o nosso ebook Como usar o marketing para escalar suas vendas!

5. Valorize a experiência do seu site

O seu site deve cumprir com uma série de requisitos para ter uma boa experiência e, consequentemente, vender melhor os serviços online.

Entre essas características estão o layout responsivo (sites que abrem adequadamente tanto em computadores quanto em aparelhos móveis), a velocidade de carregamento e a jornada de compra dentro da plataforma.

É fundamental trabalhar para que a utilização da sua plataforma seja o mais fluida e fácil possível. Isto ajudará os clientes a conseguirem fazer suas compras online sem problemas.

6. Aproxime o seu relacionamento com o consumidor

Uma das melhores formas de fidelizar clientes é estreitando os laços e a comunicação com eles. Para isso, você pode criar diferentes canais de contato e desenvolver uma estratégia de comunicação próxima ao seu público-alvo.

Além disso, é bom ter um sistema de CRM (Customer Relationship Management) para ajudar na organização do histórico de interações e de negociações que os consumidores têm com a sua plataforma.

Veja a parte um da nossa websérie, que explica como manter um bom relacionamento com os seus clientes utilizando o CRM:

Isso permitirá adequar a sua abordagem para diferentes perfis de clientes, tornando-a mais efetiva e certeira.

Você sabia que existem diversos perfis de clientes? Pois é, há vários! E conhecê-los é um ótimo caminho para entender como vender serviços online. Conheça os seis tipos de clientes no infográfico abaixo.

Os 6 tipos de clientes - e o que esperar de cada um

7. Diversifique as formas de pagamento

Ter diversas formas de pagamento em sua plataforma de serviços online é fundamental para não perder vendas.

Isso significa disponibilizar pagamento por cartão de crédito e débito, boleto bancário, pix, entre outras formas.

Além disso, também é ideal oferecer uma série de condições de pagamento, como parcelamento em até 10 vezes sem juros e frete grátis.

Essas ações ajudarão a aumentar a sua taxa de conversão, conquistando mais clientes e, consequentemente, mais vendas.

8. Utilize formulários simples

Nem sempre você consegue converter na primeira visita do usuário ao seu site. Por isso, é muito comum colocar um formulário simples próximo ao topo da página, de preferência pedindo apenas nome, e-mail e telefone.

Prometa algo em troca dessas informações, como um e-book, orçamento sem compromisso ou acesso a um aplicativo.

De posse desses dados, sua equipe comercial poderá entrar em contato com esses clientes e terá como vender serviços online por outros canais.

Para controlar com eficiência a sua equipe, aplicar estas dicas e suas próprias estratégias de vendas, conte com a ajuda de um sistema de CRM.

Quais ferramentas podem ajudar a oferecer serviços online?

Existem infinitas ferramentas que podem te ajudar a vender serviços na internet. Por isso, é preciso pesquisar e testar para entender quais funcionam melhor para a sua empresa.

A nossa lista de ferramentas recomendadas foi criada apenas com aplicativos nacionais que acreditamos ter um alto potencial de contribuir para o crescimento do seu negócio. Veja quais são:

  • Pluga
  • Trakto
  • NFe.io
  • Agendor

1. Pluga

A Pluga é uma ferramenta que descomplica a automatização de ferramentas, o que te ajuda a executar diferentes tarefas de forma rápida e prática em aplicativos distintos.

Basicamente, ela conecta duas ferramentas diferentes e você pode definir ações para serem executadas em um aplicativo dependendo do que acontecer em outro.

Por exemplo, você pode integrar o Agendor e o Mailchimp (ferramenta de e-mail marketing) e definir que cada e-mail que for incluído no Agendor será adicionado automaticamente à lista de e-mail marketing do Mailchimp.

Simples e fácil, não é mesmo? Esta ferramenta ajuda a otimizar processos que poderiam tomar um tempo valioso do seu dia a dia.

2. Trakto

O Trakto é um editor de imagens focado em facilitar a rotina de pequenos e médios empreendedores que não possuem uma equipe de design estruturada.

Ele disponibiliza milhares de modelos de materiais (post, banner, cartão de visita, etc.) prontos para personalizar da forma que você quiser.

É uma ferramenta que pode ser de grande ajuda, porque você não precisa ter conhecimento de design nem gastar muito dinheiro para elaborar materiais gráficos de qualidade.

3. NFE.io

A NFE.io é um sistema que automatiza a emissão de notas fiscais, que é um processo trabalhoso e demorado para se realizar manualmente.

Com ela, o seu cliente recebe a nota fiscal automaticamente via e-mail, o que facilita muito o seu dia a dia, dispensando a necessidade de mais uma preocupação.

Além disso, também é muito fácil e ágil para consultar o histórico e a base de dados das notas que já foram emitidas.

4. Agendor

O Agendor é um sistema de CRM que ajuda a tomar decisões mais assertivas, a analisar resultados com mais facilidade e a estruturar adequadamente o seu time.

Como mostramos durante o texto, ter um sistema de CRM é essencial para diversos processos que ajudam a vender serviços online.

O Agendor conta com várias soluções que podem ser muito úteis para a sua plataforma de serviços online. Confira algumas:

  • criação e gerenciamento de funis de vendas;
  • monitoramento de métricas;
  • centralização dos dados dos seus clientes;
  • histórico de interações com os consumidores.
  • e muito mais!

Quer experimentar esses recursos antes de assinar um plano? Cadastre a sua empresa aqui e teste por 14 dias todas as soluções oferecidas pelo Agendor!

Coloque em prática essas dicas com nossa Plataforma de CRM
COMEÇAR TESTE GRÁTIS

Gostou do que leu?

Então confira os nossos artigos recomendados para você!

Call to action: o que é e como convencer o usuário em 4 dicas práticas

Gustavo Paulillo

Como perder o medo de vender por telefone: 5 dicas para superar essa relutância

Gustavo Paulillo

O que é sondagem de vendas: definição, exemplos e 5 dicas para sondar com mais eficácia e vender melhor

Júlio Paulillo
1 2 3 51
Receba dicas práticas
crossmenuarrow-right