CONHEÇA NOSSO CRM

O que é inteligência comercial 4.0? Conceito 100% explicado

Gustavo Gomes
inteligencia-comercial-4-0

Você já ouviu falar ou aplica a inteligência comercial 4.0 em sua gestão? Esse é um conceito que define um processo estratégico baseado na coleta e análise de dados por meio digitais, visando a tomada de decisões mais assertivas. Ela se aproveita de inovações tecnológicas para melhorar os processos comerciais de uma empresa.

Interessou-se em conhecer mais sobre esta metodologia estratégica? Continue lendo para entender o que é inteligência comercial 4.0, o que você precisa estudar para aprender a aplicá-la e quais são as etapas de implementação. Boa leitura!

O que é inteligência comercial?

A inteligência comercial, ou inteligência competitiva, é um conceito que consiste em uma série de estratégias baseadas na coleta e análise de dados.

Ela se assemelha ao Business Intelligence (BI) em alguns pontos e pode ser aplicada em diversos setores da empresa. No entanto, costuma estar mais presente no departamento de vendas e de marketing.

Com as suas técnicas, é possível coletar e analisar informações importantes para o seu negócio, o que ajuda a tomar decisões mais certeiras e seguras.

A inteligência comercial pode ser usada com diferentes objetivos. Logo, os dados coletados podem ser tanto internos quanto externos dependendo do que você deseja entender com as análises.

O que é inteligência comercial 4.0?

A inteligência comercial 4.0 é praticamente a mesma estratégia que o conceito clássico define: coleta e análise de dados para tomar decisões com mais precisão. Contudo, ela se diferencia em um ponto crucial: a sua execução é baseada no uso de recursos digitais.

Ou seja, ela tem como foco total a utilização de tecnologias para a automatização dos processos e aumento da eficiência e qualidade das análises estratégicas.

Dessa forma, é possível otimizar a produtividade e reduzir custos, uma vez que as tarefas serão realizadas com mais agilidade, facilidade e menos erros.

Aliás, uma pesquisa realizada pela PTC, empresa de transformação digital, mostrou que as organizações que digitalizaram os seus processos consideram a melhora da eficiência operacional e a redução de custos dois dos melhores benefícios dessa mudança.

Qual é a importância da inteligência comercial 4.0?

Falando especificamente em relação ao time de vendas, a inteligência comercial 4.0 pode ser importante para diversos processos da rotina desta equipe.

Ela pode ser usada internamente para analisar dados sobre clientes e negociações e entender o que pode ser melhorado no relacionamento com o consumidor.

Assim como pode utilizar dados externos, como, por exemplo, de leads, para identificar boas oportunidades de negócios e identificar otimizações na abordagem e nas estratégias de prospecção.

Esses são apenas dois exemplos de uso, mas, como dito, os objetivos e resultados esperados podem ser inúmeros.

O que nunca muda é que a inteligência comercial 4.0 sempre será utilizada em contextos para melhorar processos e tomar decisões efetivas, que tragam resultados expressivos.

A inteligência comercial 4.0 funciona ainda melhor com processos comerciais que já estão bem estruturados. Conheça as sete etapas fundamentais de um bom processo comercial:

etapas do processo comercial

O que estudar para aplicar a inteligência comercial 4.0?

Primeiramente, é indispensável que você procure desenvolver uma visão analítica e estratégica, analisando dados e cenários antes de tomar qualquer decisão importante.

Esta capacidade é adquirida principalmente com a prática. Portanto, mesmo que você não consiga desenvolver isso no seu trabalho, procure criar um projeto pessoal baseado em análises e dados.

Saber como utilizar as tecnologias disponíveis para coleta e análise de dados é outro conhecimento essencial para conseguir aplicar efetivamente a inteligência comercial 4.0.

Aqui, é o mesmo caso da visão estratégica, porque você precisará ler muito e consumir vários conteúdos, mas a prática será um ponto-chave para o seu aprendizado.

Sendo assim, busque formas de conseguir acesso aos principais softwares, ferramentas e sistemas usados. Dessa maneira, você conseguirá testá-los e, consequentemente, treinar e aprender.

Nesse grupo de aplicativos entram ferramentas como sistemas de CRM, planilhas, softwares de visualização de dados e plataformas de pesquisas online.

Além disso, as linguagens de programação são algo que pode ser necessário aprender e que talvez tome um bom tempo de estudo. Elas são essenciais para analisar grandes bases de dados.

As 4 etapas da inteligência comercial 4.0

A seguir, conheça as quatro etapas fundamentais para implementar a inteligência comercial 4.0 na prática:

  • Planejamento
  • Coleta
  • Análise
  • Disseminação

1. Planejamento

O planejamento sempre deve ser o início de um projeto de inteligência comercial 4.0. Para conseguir realizar boas análises é preciso ter bem definido o problema que será resolvido, os objetivos, os dados que serão analisados e os KPIs (Indicadores-chave de desempenho).

Dessa forma, garante-se que todas as tarefas que serão executadas têm um propósito e efetivamente ajudarão a alcançar as metas desejadas.

Então, antes de qualquer coisa, planeje tudo sobre o projeto. Apenas dessa maneira você conseguirá fazer análises de qualidade, que possam trazer bons resultados ao seu negócio.

Leia também: 5 dicas para definir os indicadores de performance ideais para o seu negócio

2. Coleta

Como o nome da etapa já deixa claro, esse é o momento de coleta de dados relevantes para o seu objetivo.

O levantamento pode ser feito de diversas formas, como, por exemplo, por meio do rastreamento de dados públicos ou de concorrentes, bases de dados internas, relatórios de outras organizações e pesquisas online com formulários.

Contudo, o método que será utilizado e os tipos de dados que serão procurados dependem totalmente do seu objetivo e problema.

Agora ficou mais clara a importância de se planejar antes de colocar a mão na massa, não é mesmo?

3. Análise

A análise dos dados coletados pode ser a etapa mais complexa e difícil, porque é preciso interpretar as informações e entender as histórias que elas contam.

No entanto, também é o momento que você irá extrair os conhecimentos que deseja e que poderão auxiliar a tomar decisões capazes de transformar a sua empresa.

Tenha muita atenção na execução desta etapa para garantir que a interpretação dos dados foi feita corretamente, sem vieses subjetivos que possam comprometer a eficiência deles.

4. Disseminação

Por fim, após conseguir informações extremamente valiosas das análises feitas, é hora de montar uma apresentação para compartilhar com os outros colaboradores o que foi descoberto.

Aqui, o ideal é priorizar a didática e a simplicidade, porque talvez nem todas as pessoas tenham os conhecimentos técnicos para interpretar as informações.

Por isso, procure prezar pela facilidade de entendimento na construção da apresentação para que, dessa forma, possam surgir discussões relevantes e de qualidade.

Qual é o melhor CRM para inteligência comercial 4.0?

Um bom sistema de CRM para utilizar nos processos de inteligência comercial 4.0 precisar ter, no mínimo, as seguintes funcionalidades:

  • integrações com outras ferramentas para automatização;
  • base dados sobre os clientes (histórico de interações, negócios e outras informações);
  • acesso a relatórios de métricas personalizáveis.

E você sabe qual ferramenta conta com todas essas soluções? O Agendor! Ele oferece tudo que é necessário para tomar decisões mais assertivas e visualizar melhor o seu processo comercial.

Aliás, o cadastro e a centralização dos dados de clientes, que é muito importante para a inteligência comercial, é algo bem simples de realizar no Agendor. Veja:

Quer testar esses recursos? Cadastre a sua empresa aqui e ganhe um período de teste grátis do Agendor. Aproveite!

Continue aprendendo sobre como usar dados para impulsionar resultados: acesse nosso Guia Indicadores de Vendas e Marketing!

Coloque em prática essas dicas com nossa Plataforma de CRM
COMEÇAR TESTE GRÁTIS

Gostou do que leu?

Então confira os nossos artigos recomendados para você!

MRR: o que é, quais são os tipos e como calcular na prática

Gustavo Gomes

Indicadores de competitividade: descubra o que são e quais utilizar na sua gestão para orientar suas estratégias de negócio

Gustavo Gomes

Customer expansion: entenda o conceito que chegou para aumentar a receita

Gustavo Gomes
1 2 3 17
Receba dicas práticas
crossmenuarrow-right