Quantas portas você já abriu com um e-mail de vendas? Se sua resposta for negativa, pode ser que você esteja fazendo as coisas do jeito errado.

A verdade é que os clientes são mais propensos a responder e-mails curtos e que vão direto ao ponto.

Nós não queremos e-mails com assuntos que dão voltas e percam o nosso tempo. Nós queremos saber o que essas pessoas/empresas têm para agregar às nossas atividades e saber por que deveríamos cogitar seus produtos.

Neste post você vai saber definitivamente como escrever e-mails comerciais poderosos, com dicas como estas:

  1. As 3 partes principais de um e-mail de proposta comercial
  2. Exemplos de e-mails típicos
  3. Erros comuns em e-mails típicos
  4. Exemplos de assuntos de e-mails chamativos
  5. Exemplos de e-mails de vendas de sucesso

Preparado para mudar a forma como escreve seus e-mail de vendas e criar mais oportunidades de negócio?

Então, não deixe de ler até o final!

Está sem tempo para ler o conteúdo? Gostaria de poder acompanhá-lo enquanto dirige, caminha ou realiza outra atividade? Então não perca tempo e ouça este artigo na íntegra. Basta clicar no play! Agradecemos o seu feedback nos comentários 🙂

OBS: Preparamos uma apresentação com as principais dicas desse artigo. Confira a apresentação clicando na imagem abaixo

Leia também: Como criar um e-mail de vendas para clientes que aumentará sua taxa de resposta

Como escrever um e-mail de apresentação de vendas?

Um e-mail de apresentação de vendas deve ser curto e objetivo. Na verdade, um e-mail criativo também pode ajudar. Mas existem algumas regras básicas que você deve seguir sempre.

É isso que a maioria dos compradores pensa sobre um e-mail de vendas. Ou uma abordagem de um antigo fornecedor via e-mail.

A maioria dos e-mails de vendas tem uma taxa de resposta de cerca de 1%. Em outras palavras, se você enviar um e-mail para 100 clientes potenciais, apenas 1 vai te responder.

Em parte, a responsabilidade desse índice é dos próprios vendedores, que por muitas vezes fazem potenciais clientes perderem tempo lendo um e-mail sem nenhuma utilidade.

Isso porque a maioria dos vendedores, na hora de pensar em como escrever um e-mail comercial ou mesmo em como escrever uma carta de apresentação comercial para vendas, acha que precisa escrever muito…

Mas, vamos mudar esse cenário. Vamos explicar algumas dicas de e-mails que podem aumentar as suas taxas de respostas.

Em primeiro lugar, alguns conceitos básicos.

3 partes para cada e-mail de proposta comercial

  • Abertura: é aquele textinho que o destinatário vê na caixa de entrada. Trata-se do assunto e as primeiras 20 ou mais palavras do e-mail. Se a abertura é intrigante, o e-mail tem mais chances de ser aberto; se a abertura é chata, o e-mail pode ser ignorado ou até mesmo excluído.
  • Benefício: esse é o recheio do e-mail, a parte que realmente precisa ser bem clara e objetiva. O benefício explica porque o cliente deve estar interessado no que você tem a oferecer. Se o benefício é claro e compreensível, o e-mail provavelmente será lido; se o benefício é obscuro ou complicado, o receptor tem grande chance de ignorar a mensagem.
  • Fechamento: este é o lugar onde você diz ao destinatário o que fazer a seguir (ou seja, o “apelo à ação”,  chamado de “call to action“, em inglês), juntamente com suas informações de contato. Se o fechamento é simples e fácil, você tende a receber uma resposta. Se for complicado e sufocante, a possibilidade de receber alguma resposta é muito baixa.

Esse deve ser o seu modelo de e-mail de vendas. Não tem como apresentar uma empresa por e-mail com sucesso sem seguir essa regra. Por isso, decore esses 3 elementos de um bom e-mail de proposta comercial! Use e veja como vai funcionar.

Esses são os princípios para qualquer tipo de correio eletrônico, até para e-mail marketing de e-commerce, por exemplo. Vamos agora aos exemplos.

Dicas de como escrever um e-mail comercial nunca são demais, por isso, confira: 6 exemplos de email de vendas extremamente persuasivos

Como é um e-mail de vendas típico?

O exemplo a seguir é baseado em um e-mail real. Os destinatários são pessoas que organizam feiras e conferências. (Esse exemplo de e-mail de apresentação de empresa para novos clientes também vale para uma carta de apresentação de produtos).

Assunto: Trade Show App

Prezado Gustavo,

Eu espero que você esteja tendo um ótimo dia!

Minha empresa XYZ LLC fornece aplicativos online e móveis que proporcionam aos participantes uma oportunidade de planejar a sua agenda em eventos antes mesmo que elas estejam no evento! É uma maneira de criar buzz, comunicar-se com seus participantes, fazer networking, agendar reuniões com antecedência e troca de informações.

Networking é importante em eventos, no entanto, temos alguns clientes que vão com apenas um aplicativo básico que explora todos os recursos interativos de um evento. Podemos fornecer a solução adequada para o seu evento.

Para saber mais visite o nosso site e http://xyz.com.br/videos e veja um pequeno vídeo. Por favor, deixe-me saber quando podemos organizar uma conversa por telefone. Sinta-se à vontade para ligar se você tiver quaisquer perguntas. Meu número é (11) 3276-4012.

Atenciosamente,

Aline Silva

Account Manager, empresa XYZ

(11) 3276-4012

www.xyz.com.br

aline@xyz.com.br

Será que seu e-mail está ajudando ou atrapalhando você a vender?

O e-mail de apresentação de vendas é apenas uma das várias técnicas utilizadas para gerar leads e é fundamental que a equipe de marketing e vendas estudem mais estratégias para atrair possíveis compradores para a empresa.

Para ficar por dentro de mais técnica de geração de leads, não deixe de baixar no eBook gratuito: O Guia da Prospecção de clientes: Como gerar leads qualificados e prontos para comprar

O que há de errado neste e-mail de apresentação de vendas?

Só para você saber, o e-mail acima é, antes de mais nada, melhor que a média. É relativamente livre de bobagens e descreve um conceito de produto interessante.

No entanto, é pouco provável que esse e-mail seja aberto.

Vamos entender isso parte a parte.

Caixa de entrada

É isso que o destinatário vê na caixa de entrada (a abertura):

Assunto: Trade Show App

Prezado Gustavo, Eu espero que você esteja tendo um ótimo dia! Minha empresa…

Isso é chato. E por que o destinatário se preocuparia com um e-mail como esse? A única chance para esse e-mail é que ele seja excluído.

Conteúdo inicial

Mas vamos supor que o destinatário abra o e-mail. Nesse ponto, ele vai se deparar com 2 parágrafos extensos de texto (o benefício):

Minha empresa XYZ LLC fornece aplicativos online e móveis que proporcionam aos participantes uma oportunidade de planejar a sua agenda em eventos antes mesmo que elas estejam no evento! É uma maneira de criar buzz, comunicar-se com seus participantes, fazer networking, agendar reuniões com antecedência e troca de informações.

Networking é importante em eventos, no entanto, temos alguns clientes que vão com apenas um aplicativo básico que explora todos os recursos interativos de um evento. Podemos fornecer a solução adequada para o seu evento.

Se você ler esses 2 parágrafos com cuidado, percebe que é muito claro o que está sendo oferecido. Mesmo assim, é preciso algum trabalho para traduzir tudo o que foi dito sobre a solução, para um problema.

A maioria das pessoas não vão cometer esse esforço, passarão batidas sobre o que a sua empresa faz, e em seguida, vão apagar o e-mail.

No entanto, digamos que o destinatário leia e entenda o benefício. Nesse momento, ele é confrontado com essa lista de coisas a fazer.

Fechamento

Para saber mais visite o nosso site e http://xyz.com.br/videos e veja um pequeno vídeo. Por favor, deixe-me saber quando podemos organizar uma conversa por telefone. Sinta-se à vontade para ligar se você tiver quaisquer perguntas. Meu número é (11) 3276-4012.

Atenciosamente,

Aline Silva

Account Manager, empresa XYZ

(11) 3276-4012

www.xyz.com.br

aline@xyz.com.br

São muitas chamadas à ação. O destinatário deveria acessar um site, ligar, escrever uma carta? Ou todas as anteriores?

Ao ler atentamente, você percebe que o principal apelo à ação é um pedido para que o destinatário solicite uma demonstração.

No entanto, poucos receptores vão encontrar o benefício declarado tão convincente que vão pegar o telefone e ligar para o remetente. Isso é pedir demais.

Vale conferir em nosso blog: Como a empatia pode ajudar no e-mail de follow up

Como escrever um e-mail de vendas eficiente?

Aqui está uma reescrita que é muito mais provável de conseguir uma resposta:

Assunto: Conferência em São Paulo

Gustavo,

Você pode reduzir no-shows em seu evento em até 50%, mantendo os participantes informados e envolvidos com o nosso aplicativo móvel.

Se você quiser, posso enviar-lhe uma breve visão geral de como o aplicativo funciona.

Aline Silva

Gerente de Conta, XYZ

(11) 3276-4012

www.xyz.com.br

Este e-mail provavelmente vai ser aberto porque a abertura é ao mesmo tempo intrigante e significativa para os destinatários-alvo.

Seu e-mail de vendas precisa ser instigante e ir direto ao ponto.

Assunto: Conferência em São Paulo

Gustavo,

Você pode reduzir no-shows em seu evento em até 50%, mantendo os participantes informados e envolvidos com o nosso aplicativo móvel.

Existe uma grande probabilidade de que seu e-mail seja lido e compreendido porque o benefício é simples:

Você pode reduzir no-shows em seu evento em até 50%, mantendo os participantes informados e envolvidos com o nosso aplicativo móvel.

Finalmente, este e-mail é mais provável de conseguir uma resposta, porque a chamada à ação (uma “resposta a este e-mail” implícita) é simples e fácil de executar:

Se você quiser, posso enviar-lhe uma breve visão geral de como o aplicativo funciona.

Aline Silva

Gerente de Conta, XYZ

(11) 3276-4012

www.xyz.com.br

Veja mais dicas de e-mail: Tire vantagem de sua base de dados para enviar e-mail marketing

Qual assunto colocar no e-mail de apresentação para chamar atenção?

Como vimos anteriormente, o assunto do e-mail de apresentação de vendas é uma das primeiras coisas que o destinatário irá visualizar ao abrir sua caixa de entrada, por isso, deve ser pensado de maneira criativa para chamar a atenção do leitor a ponto de fazê-lo abrir o e-mail. A partir daí, ficará mais fácil mantê-lo engajado na leitura do corpo do e-mail.

Para isso, pense em assuntos curtos e pouco óbvios. Evite frases como “Quer vender mais?” ou “Promoção BlackFriday”, porque, como você deve ter reparado, elas já deixam muito clara a intenção imediata de vendas desses e-mails, o que não gera valor e nem identificação no leitor.

Uma dica bacana é, por exemplo, falar da dor que a sua solução resolve. Se você vende um sistema de CRM como o Agendor, e está prospectando gestores de vendas, pode utilizar assuntos como:

  • Falta de previsibilidade de vendas;
  • Queda de leads;
  • Vendedores que não batem as metas;
  • Histórico de clientes desorganizado.

Um gestor de vendas que quer aprimorar os resultados do seu time com certeza será atraído por esses assuntos, afinal, essas questões abordadas afetam diretamente a performance do seu time.

Uma técnica que tem sido utilizada bastante pelas empresas que praticam vendas B2B e prospectam clientes por meio de e-mails de apresentação de vendas é criar um assunto mais generalista, como:

  • Reunião: <sua empresa> & <empresa prospectada>

Desse modo, ao se deparar com este e-mail em sua caixa de entrada, o leitor imagina que tem um compromisso e abre o e-mail. Depois disso, o corpo do e-mail precisa estar caprichado para manter a atenção do seu lead.

Tudo que seu e-mail de vendas precisa ter

As chances são muito boas, o destinatário irá responder e, assim, abrir uma conversa que pode eventualmente levar a uma demonstração e uma venda.

Mas lembre-se de adaptar seus e-mails para diferentes contextos. Um e-mail marketing de e-commerce, por exemplo, será bem diferente de uma proposta comercial para um grande cliente corporativo.

Para resumir, os e-mails de vendas matadores (os que recebem muitas respostas) são curtos e simples, com uma abertura intrigante, um benefício que o cliente pode entender facilmente e um fechamento que tenha uma chamada para ação de fácil execução.

Quer mais dicas sobre como abordar um cliente por e-mail? Então, confira nossa apresentação de slides:

Quer mais dicas? Então, Leia também:

E então, curtiu a versão do artigo em áudio? Nossa ideia é melhorar sua experiência de aprendizado, pois entendemos que nem sempre é possível dedicar tempo para leitura e atualização.

Por isso, aproveite para ouvir este e outros de nossos conteúdos quando estiver dirigindo, ou no transporte público, ou mesmo quando estiver aguardando para entrar em uma reunião de vendas! Agora queremos saber se você gostou da ideia. Deixe seu comentário no post com sugestões do que pode ser melhorado e do que você mais gostou!

Para garantir que os leads gerados pelos e-mails de apresentação de vendas sejam convertidos em clientes, é essencial ter processo de vendas personalizado e bem estruturado e que represente a jornada de compra do cliente e facilite seu processo de decisão.

Se você quiser saber como fazer isso da melhor forma, baixe nosso eBook gratuito: Como usar o Agendor para criar um processo de vendas e vender mais