Muitas pessoas sonham em um dia ocupar a posição de gerente em determinada área da empresa. Mas você saberia dizer o que faz um gerente? Quais são as atribuições desse cargo? Como deve ser o perfil de um gerente?

Neste artigo, vamos esclarecer todos esses questionamentos e apresentar os principais tipos de gerentes dentro de uma empresa:

  1. Gerente Administrativo;
  2. Gerente de Marketing;
  3. Gerente Comercial;
  4. Gerente de Vendas;
  5. Gerente de Projetos;
  6. Gerente de Produção;
  7. Gerente Financeiro;
  8. Gerente de Recursos Humanos.

Leia também: Gestão de equipe de vendas: um guia para aumentar a produtividade de seu time

O que faz um gerente?

Basicamente, um gerente é responsável por fazer a ponte entre a diretoria e a núcleo operacional de um setor específico da empresa 

Cabe ao profissional que ocupa essa posição coordenar os recursos humanos e materiais de modo a garantir que as tarefas sejam executadas da melhor maneira possível e que as metas estabelecidas sejam alcançadas.

O gerente deve traduzir as estratégias de negócio para os colaboradores que estão na linha de frente das operações.

Para isso, ele pode desenvolver um planejamento tático, utilizando técnicas como a 5W2H.

Esse plano se baseia em 7 perguntas, originárias do inglês, veja:

  • What? = O quê?
  • Why? = Por quê?
  • Who? = Quem?
  • Where? = Onde?
  • When? = Quando?
  • How? = Como?
  • How much? = Quanto custa?

Veja algumas dicas de como responder a essas perguntas:

  • O quê? = Trata-se do escopo da tarefa que cada colaborador e a equipe deve realizar. Por exemplo: a equipe financeira deve prover a empresa com os recursos necessários, e cada colaborador desempenha uma parte dessa missão.
  • Por quê? = Qual o objetivo, o que vai melhorar na empresa quando as tarefas forem realizadas. 
  • Quem? = Definir o executor de cada tarefa, assim como eventuais operadores e supervisores delas.
  • Onde? = Não apenas o local onde as tarefas são realizadas, mas também onde surtirão seus efeitos na empresa.
  • Quando? = datas de início de cada projeto ou tarefa. Para atividades mais complexas, é preciso criar um cronograma mais elaborado.
  • Como? = Detalhamentos da maneira como cada projeto ou tarefa deve ser realizado, metodologias aplicadas, ferramentas empregadas etc.
  • Quanto custa? = Um orçamento de cada projeto e da área como um todo.

Confira em nosso blog: Como deve se comportar um líder para ser admirado?

Como deve ser o perfil de um gerente?

Agora que você já sabe o que faz um gerente, é importante que você entenda também qual é o perfil que se espera desse profissional.

O gerente é o profissional que obtém resultados de excelência em suas tarefas operacionais, se destacando dos demais colegas.

Para ocupar esse cargo, é necessário apresentar determinadas soft skills, como espírito de liderança, boa comunicação e oratória, bom relacionamento interpessoal, proatividade e poder de persuasão. 

Além disso, o gerente também precisa ser capaz de engajar a equipe que está sob o seu comando, solucionar conflitos e identificar os pontos fortes e as fraquezas de cada colaborador para, então, propor ações com foco na melhoria contínua.

Leia mais: Qual o perfil de um líder de sucesso?

Tipos de gerentes e suas funções

Dentro de uma organização podem haver diferentes tipos de gerentes. Separamos aqui alguns dos principais e as funções que geralmente competem a cada um deles.

1. Gerente Administrativo

Esse talvez seja o tipo de gerência mais abrangente em uma empresa. O gerente administrativo lida com estratégias e informações de diferentes áreas do negócio. Ele é responsável por coordenar as tarefas administrativas em geral.

Esse cargo é muito comum em empresas que têm uma atividade bastante específica, como hospitais, escolas e universidades. Assim, os profissionais dos departamentos e áreas são bastante focados no atendimento final dos clientes e não tem, por vezes, muitas habilidades de gestão.

Dessa forma, define-se um gerente para fazer a administração geral da instituição. É claro que ele pode ser um profissional da área de educação, em escolas e universidades, ou um médico, em hospitais.

A experiência na atividade fim da empresa pode ajudar bastante! Porém, ele se dedica exclusivamente a esta tarefa administrativa.

2. Gerente de Marketing

O gerente de marketing cria e analisa as estratégias mais eficazes para promover a empresa e atrair novas oportunidades de negócio. Suas atividades envolvem pesquisas de mercado, definição das buyer personas e gestão dos canais de divulgação da marca.

A quatro principais atividades do gerente de marketing estão resumidas nos chamados quatro Ps do  marketing, veja:

Produto: aqui também estamos falando de serviço. Trata-se de criar soluções que atendam às reais necessidades do público-alvo da empresa, definir suas especificações e como entregar aos clientes.

Preço: neste caso, define-se não apenas quanto vai custar cada solução criada, mas as maneiras de serem pagas (cartões, dinheiro, depósito bancário etc.), regras para dar crédito aos clientes e outros detalhes relativos ao pagamento.

Praça: é uma forma de se referir ao local onde acontece a transação com o cliente, como lojas físicas, lojas virtuais, mídias sociais etc.

Promoção: aqui nos referimos à divulgação das ofertas da empresa, que pode se dar em diferentes mídias, como jornais, revistas e TV ou em mídias sociais, como blogs, plataformas da internet, tais quais LinkedIn e Instagram.

Confira também: Entenda o que faz um gestor de marketing e vendas e as vantagens de unir essas áreas

3. Gerente Comercial

O gerente comercial é responsável por coordenar as estratégias de vendas e de relacionamento com os clientes.

Em muitas empresas, o gerente comercial e o gerente de vendas são a mesma pessoa.

Por isso, as atribuições amplas se misturam, dependendo da empresa.

Na prática, esses dois gestores precisam contar com boas ferramentas e, uma das mais importantes, é o CRM – Customer Relationship Management, Gestão do Relacionamento com o Cliente, do inglês..

Esse software organiza os histórico de clientes, mantém o registro de todas as interações com eles, traz estatísticas pormenorizadas sobre vendas, propostas enviadas, telefonemas etc, além de apresentar um funil de vendas, entre diversas outras funções.

Confira mais detalhes neste vídeo:

Veja também: Entenda quais as funções de um gerente comercial e como desempenhá-las com sucesso

4. Gerente de Vendas

Esse tipo de gerente realiza o controle das vendas e fica encarregado de incentivar e engajar a equipe de vendedores.

Mas, como comentado acima, também podem exercer funções que, em outras empresas, são desempenhadas pelo gerente comercial.

Um bom gerente de vendas deve gerenciar a equipe, por isso, trazemos algumas dicas para quem ocupa este cargo:

Veja mais: O que é ser gerente de vendas: 15 dicas para usar em seu dia a dia

5. Gerente de Projetos

É quem comanda o desenvolvimento de todas as etapas de algum projeto específico da empresa, desde o planejamento até a conclusão e entrega.

O gerente de projetos atua de forma independente e pode empregar colaboradores de diversas áreas.

Ele é um dos principais usuários da metodologia 5W2H.

É importante entender que um gerente de projetos atua com uma equipe durante o período em que o projeto está em andamento. Depois de seu término, ele recebe outro projeto para realizar e isso pode ser feito com outros integrantes da empresa, formando uma nova equipe.

Por isso, ele precisa ter grandes habilidades de liderança.

6. Gerente de Produção

Organiza e coordena os processos produtivos da empresa, garantindo que todos os produtos atendam aos padrões de qualidade previamente estabelecidos.

Esta é uma atividade muito importante, pois sem a entrega dos produtos dentro das especificações e no prazo que a empresa necessita, ela provavelmente falharia em sua missão.

Dessa forma, a gestão de produção é realizada, na maioria das vezes, por indivíduos da área técnica, como engenharia, ou capacitados especificamente em gestão da produção.

7. Gerente Financeiro

Lida com todos os assuntos relacionados às finanças da empresa. Ele gerencia o fluxo de caixa e todas as contas a pagar e a receber.

Ele deve garantir que todos os setores da empresa contem com os recursos de capital necessários para desempenhar suas tarefas.

Ele também fica a cargo das burocracias referentes à contabilidade do negócio.

Em resumo, o gerente financeiro aloca os recursos obtidos pela empresa com sua vendas e outras fontes para garantir que:

  • Haja capital suficiente para investir em novos produtos e inovações;
  • Pagar as despesas e custos correntes;
  • Fornecer os insumos para todas áreas.
  • Gerar lucros.

Para isso, ele pode recorrer a financiamentos, como empréstimos ou abertura do capital de empresa, isto é, a venda de ações ou participações no negócio.

8. Gerente de Recursos Humanos

O gerente de RH participa de todos os setores da empresa porque ele lida com o ativo humano das organizações.

Esse tipo de gerente deve traçar estratégias para garantir o melhor aproveitamento dos colaboradores. Além disso, cabe ao gerente de RH garantir o bem-estar e o desenvolvimento pessoal e profissional dos funcionários.

Normalmente, o gerente de pessoas se dedica a estes pilares:

  1. Engajamento: garantir que os colaboradores estão trabalhando de forma efetiva visando alcançar os objetivos do negócio de forma prática.
  2. Comunicação: facilitar a troca de ideias e informações entre as áreas do negócio e da alta gestão com os demais colaboradores.
  3. Desenvolvimento de talentos: treinar e capacitar os colaboradores para que evoluam em suas carreiras e sejam profissionais extremamente competentes e motivados.
  4. Aquisição e retenção de talentos: atrair e selecionar no mercado de trabalho os profissionais ideais para os cargos da empresa que estejam vagos.
  5. Avaliação de desempenho: avaliar por meio de entrevistas, pesquisas e indicadores de performance como cada colaborador está desenhando suas tarefas e indicar onde podem melhorar.
  6. Recompensa e Reconhecimento: definir bônus, prêmios, comissões, participação nos lucros, atividades sociais e outras formas de incentivar os colaboradores a darem o seu melhor pela empresa.
  7. Liderança: ficar atento ao desenvolvimento de novas lideranças no negócio que sucederão às atuais.

Saiba mais: Os processos de RH: a importância, 2 exemplos e muitas dicas

Como ser um gerente de sucesso segundo o Google?

O Google é uma das maiores empresas de tecnologia do mundo. Isso se deve à combinação de vários fatores, sendo um deles a presença de bons gerentes para comandar as diferentes operações da empresa.

Após uma pesquisa interna, o Google chegou a uma lista com as principais características que um bom gerente precisa ter. 

Confira abaixo quais são elas:

  1. Conseguir enxergar a longo prazo;
  2. Saber se comunicar com clareza;
  3. Manter o foco em resultados;
  4. Saber transferir seus conhecimentos;
  5. Ser capaz de delegar tarefas e empoderar o time;
  6. Aconselhar os colaboradores;
  7. Garantir o bem-estar da equipe;
  8. Ajudar os colaboradores no desenvolvimento profissional.

O que falta para você alcançar seu cargo de gerente?

Bom, ficou claro quais são os tipos de gerentes e as características que se espera observar em profissionais que ocupam essa posição?

Busque desenvolver esses atributos para se tornar um gerente de sucesso e dar novos passos na sua carreira.

Se você é um gerente da área de vendas, administrativo ou de TI, temos alguns e-books gratuitos que podem te interessar: