O principal objetivo das estratégias de marketing e de vendas é a conversão. Converter significa levar uma pessoa a tomar certas decisões desejadas e planejadas pela empresa, podendo ir desde o download de um e-book até a concretização de uma venda.

Para saber sobre esse assunto, te convidamos a dar sequência à leitura deste conteúdo e conferir nas próximas linhas:

  • O que significa conversão?
  • O que significa conversão em vendas?
  • O que é conversão no marketing digital?
  • 6 dicas de como fazer conversão de vendas

Leia também: Como aumentar a taxa de conversão das vendas B2B

O que significa conversão?

Conversão significa mudar de um estado para outro; tomar uma decisão que vai te levar do ponto A ao ponto B.

O ato de converter tem a ver com induzir comportamentos e ações que vão direcionar a pessoa a um propósito previamente estabelecido.

Para as empresas, a conversão pode significar levar o potencial cliente a preencher um formulário, se cadastrar na newsletter, baixar um e-book e adquirir um produto ou serviço.

Para converter ações ou vendas, é preciso saber persuadir prospects, leads e clientes, veja algumas dicas neste infográfico:

5 dicas de como aumentar seu poder de persuasão

Veja mais: Como usar o funil de vendas para conversão de visitantes do seu site

O que significa conversão em vendas?

A conversão em vendas significa adotar estratégias de negócio que façam o cliente em potencial avançar pelas etapas do funil de vendas até que ele chegue à base e tome a sua decisão de compra, adquirindo o produto ou serviço oferecido pela empresa.

Sempre que uma venda é realizada, dizemos que o lead foi convertido em cliente. Quando, por exemplo, um usuário do Instagram se depara com um anúncio de uma loja de tênis, clica no anúncio que o leva para o site da loja, escolhe o modelo do tênis e finaliza a compra, temos aí uma conversão em vendas.

Da mesma forma, um lead B2B que entra em contato pelo site e pede um orçamento, ao fechar esse negócio, gera uma conversão em vendas - assim como tantos outros exemplos, que variam de acordo com o processo comercial de cada organização. 

Ao passar de uma etapa para outra de seu processo comercial, o cliente converteu uma ação, passando de prospectos para lead, por exemplo.

Veja um exemplo prático das etapas de um processo comercial:

As 7 etapas do processo de vendas

Confira também em nosso blog: Como sua equipe de vendas pode ajudar na otimização de conversão de seu site

O que é conversão no marketing digital?

A conversão no marketing digital se refere às estratégias voltadas para o ambiente online e que têm como objetivo fazer com que leads e prospects tomem certas decisões que os qualifiquem e os aproximem da decisão de compra.

Um exemplo de conversão no marketing digital é quando um visitante do blog ou do site da empresa cai em uma landing page e fornece alguns dados cadastrais em troca de algum conteúdo rico, como um e-book ou um webinar.

Ou quando o seguidor da empresa assiste a um story no Instagram e “arrasta pra cima” para acessar um conteúdo no blog da empresa ou conseguir um cupom de desconto. Ações como essas podem ser consideradas como conversão no marketing digital.

Veja também: Quais são as taxas de conversão de clientes mais comuns?

6 dicas de como fazer conversão de vendas?

Para que você possa obter sucesso na conversão de vendas, é importante seguir algumas dicas fundamentais.

1 - Crie landing pages amigáveis e atraentes

As landing pages, ou páginas de captura, são capazes de aumentar consideravelmente as suas chances de conversão. Portanto, crie landing pages com visual atraente, com botões e campos de fácil visualização e layout amigável.

E, falando em estratégia de conversão, aproveite os recursos digitais disponíveis para testar títulos, benefícios e ofertas que possam levar ao melhor resultado. 

2 - Otimizar conversão nos diferentes pontos de contato

Saiba quais são os principais pontos de contato com o seu potencial cliente ao longo da jornada e otimize as estratégias de conversão considerando os diferentes canais utilizados.

Para tanto, é essencial contar com ferramentas como sistema de CRM e plataforma de automação de marketing, que irão consolidar esses dados e possibilitar que você entenda a performance de cada fonte de aquisição.

3 - Mapeie a jornada de compra

Ao fazer o mapeamento da jornada de compra, você poderá adotar estratégias de conversão mais condizentes com o momento em que cada lead se encontra nela.

4- Faça uso de gatilhos mentais

A conversão em vendas também passa pelo uso de certos gatilhos mentais para persuadir os leads a acelerarem determinadas decisões. Alguns dos gatilhos são: escassez, urgência, reciprocidade, exclusividade e prova social.

Saiba mais:

5 - Invista na automação de marketing

Com a automação das estratégias de marketing, é possível ganhar escalabilidade e aumentar a produtividade. Os conteúdos certos chegam para os leads certos no momento mais adequado da jornada de compra.

6 - Envie leads qualificados para o time de vendas

Especialmente em estratégias Inbound, antes de encaminhar os leads para o time de vendas fazer a conversão, busque qualificá-los até que eles estejam maduros o suficiente para receber uma proposta comercial.

Leia mais: 5 dicas para escrever artigos com alta conversão de leads

Então, ficou claro o que significa conversão?

Incorpore esse conceito às suas estratégias de marketing e vendas e obtenha melhores resultados.

Para aumentar suas taxas de conversão é fundamental ter um processo comercial bem estruturado. Veja como fazer isso com ajuda de nosso e-book gratuito: Como usar o Agendor para criar um processo de vendas e vender mais