Um olhar mais crítico para ações de puro relacionamento e engajamento com clientes, por trás de uma ferramenta que atribui pontos para sua influência nas redes.

Você provavelmente já deve ter ouvido falar no Klout: conhecido como uma ferramenta que dá uma pontuação para os perfis do Twitter, de acordo com o engajamento e presença nas redes. Para muitos, essa ferramenta (se podemos dizer assim) para por aí.

CRM: Atraia, fidelize e satisfaça mais clientes

Se uma empresa sem clientes não sobrevive, criar e manter um bom

relacionamento estratégico com todos os seus públicos é vital

Mas há pouco tempo conheci-a melhor e digo que vai muito além disso. Em uma época onde não podemos mais separar o online do offline, onde as pessoas interagem ativamente com as marcas, líderes de comunidades se destacam e tomam a posição de influenciadores.

A ideia do Klout

Bom, então o que é o Klout? Basicamente, essa ferramenta atribui uma pontuação para todos os perfis presentes em redes sociais, tomando como base o poder de cada perfil de gerar uma ação, influenciar (minha melhor tradução para “drive action”, em inglês).

Um participante da rede pode comparar seu KScore com outros perfis e participar mais ativamente das redes sociais para aumentá-lo. Por outro lado, as empresas podem reconhecer quais são os influenciadores (entre aqueles que são fãs no Facebook ou seguidores no Twitter, por exemplo) e trabalhar suas ações, dirigindo seus esforços de marketing para esse público.

Não só presentes, mas relacionamento e engajamento

Os tais Perks

Essa ideia parece meio furada para o usuário. Só saber qual é a minha pontuação não é algo tão interessante assim. Mas é aí que entra o elemento principal do negócio, o Klout Perks. Você como um influenciador pode receber presentes grátis de marcas, para experimentar. São produtos e experiências que vão desde cremes para o cabelo, até entradas para shows e test drives em carros.

Os influenciadores por sua vez, não precisam fazer nada ao receber o produto, mas podem espalhar suas opiniões pela mídia social. As marcas recebem atenção e conseguem mensurar os feedbacks sobre seus produtos / serviços. Nesse mecanismo, o influenciador ganha com a oportunidade de estar entre os primeiros a aproveitar um lançamento e a marca ganha mais ainda. Imagine que esses perfis selecionados para receberem os presentes, se realmente são influenciadores nas mídias sociais, podem não só gerar ações e influenciar pessoas à conferirem algo interessante, mas eles também acabam trabalhando para a marca no engajamento com outras pessoas.

Parece que o Brasil ainda não está sendo elegível para receber os Perks (me corrijam se eu estiver enganado) mas algo parecido seria uma boa iniciativa por aqui, considerando a forte presença dos brasileiros nas mídias sociais.

Créditos pelas fotos: Flickr.com – bhartzer e DDaavviiddLL

Para mais info sobre o engajamento com clientes, acompanhe nosso Twitter: @agendor! De olhos abertos para novas formas de relacionamento e engajamento!